Seu SHIH TZU está triste? Cuidado ele pode estar querendo te dizer algo

SHIH-TZU Triste: O que fazer? O que pode ser? Meu Pet está triste, o que posso fazer? O que pode ser? Quem tem um cão sabe o quanto é importante conhecê-lo bem. Assim como o shih-tzu conhece o seu dono, nós também devemos conhecer o nosso animalzinho de estimação, a ponto de percebermos quando ele estiver triste.

Os shih-tzu não falam com palavras, mas comunicam-se por gestos, com as orelhas, latindo, com a cauda e precisamos ficar atentos a todos estes movimentos e até mesmo à falta deles.

Se você começar a perceber que seu shih-tzu está ficando triste, não ignore pois isto é um sinal de que algo precisa ser feito imediatamente. A tristeza acaba com a vida dos seres humanos e também dos animais, principalmente quando se trata de um shih-tzu que é um animal alegre, que gosta de brincar e está sempre interagindo com seu dono e todos da família.

Shih-tzu triste o que fazer


Ao notar que o cão está ficando muito tempo deitado, que já não corre para receber você ou alguém que acaba de chegar à residência, se vem se alimentando mal e fica sempre deitado pelos cantos é um sinal de alerta e não pode ser ignorado.

Porém, este sinal pode indicar vários problemas, desde aquele mais grave, a um problema mais simples, por exemplo, o shih-tzu pode estar com manha, pode ser um shih-tzu mimado que não está recebendo a atenção que gostaria e esta é uma forma de chantagear o seu dono para conseguir o que deseja.

Porém, pode ser também uma depressão profunda, ou alguma dor que ele esteja sentindo, ou uma doença que o esteja deixando assim.

O importante é não deixar o seu shih-tzu triste pela casa, pensando que em alguns dias ele irá melhorar, até porque, você não sabe ainda do que se trata. Leve o cachorro ao veterinário para que possam ser feitos todos os exames necessários e o profissional possa lhe dizer com segurança o que está deixando o animal tão abatido e triste.

Infelizmente, nos dias atuais ainda temos pessoa que acham que depressão é frescura. E se pensam isto de um ser humano, imagine o que pensará então de um animal. Muitos não admitem que um shih-tzu possa ter depressão e sequer ficar triste. Mas sabemos que os animais são muito sensíveis e muitas vezes não compreendem certas atitudes que precisamos tomar, como por exemplo, ter que sair bem cedo para o trabalho e só voltarmos à noite.

E já cansados, mal temos tempo de dar ao nosso shih-tzu a atenção que ele gostaria. Este pode ser um dos motivos que está deixando o seu cãozinho triste. O cãozinho deprimido acaba se isolando, perde o apetite, fica fraco, mas suscetível pegar uma doença e a situação vai só se agravando se não for socorrido a tempo.

Isto não significa que se você notar que o shih-tzu está triste e abatido, deverá forçá-lo a brincar com você e começar a atender todas as vontades do cão. Isto não é o certo. Na maioria das vezes em que um cachorro fica triste é porque ele perdeu uma pessoa que era bastante ligada a ele. Mas cada cão é de um jeito, assim como nós, os seres humanos e o que é uma simples mudança na rotina para um cachorro, para outro pode ser algo traumático.

Quando o cão muda de residência, é preciso observá-lo com mais atenção, porque alguns nem ligam e há aqueles que até preferem a nova residência, mas outros ficam realmente tristes, com saudade do antigo lar, não se adapta à nova moradia e fica triste por alguns dias e se algo não for feito está tristeza vai se agravando até se transformar em depressão.

Precisamos fazer uma avaliação de como estamos nos comportando em relação ao nosso shih-tzu. Não podemos pensar que ele está ali para nos atender quando sentirmos vontade, é importante lembrarmos que o cão também sente vontade de ficar com seu dono, de brincar conosco.

Quantas vezes por dia você dá atenção ao seu shih-tzu?

Qual foi a última vez que você brincou com o seu shiht-tzu

Todo dia você leva ele para passear?

Brinca com ele e conversa ao menos um pouco, todos os dias?

Está cuidando da saúde do seu shih-tzu de forma correta?

As vacinas estão em dia?

Quando foi a última vez que levou seu shih-tzu ao veterinário?

Faça um levantamento sobre como você tem se comportado ao invés de ficar somente julgando o comportamento do shih-tzzu, pois a causa da tristeza do seu cachorro pode ser justamente você! Dê mais carinho ao seu cachorro, brinque com ele todos os dias, mesmo que seja só um pouquinho.

Mantenha-o em um local onde ele possa interagir com todos da casa. Converse com ele sempre que passar por perto, mostrando-o que ele não está sozinho.

E converse com as demais pessoas que moram com você, pedindo a todos que lhe ajude a cuidar do shih-tzu , não só dando comida e água, mas também dando carinho e atenção.

https://goo.gl/zLuwc9


Fonte: Encontros Pet