Até que idade o cachorro deve comer ração para filhote?

Recomendação muda de acordo com o porte do cachorro

Um questionamento válido e recorrente entre os donos de filhotes caninos é até que idade se deve continuar dando ração de filhote e quando seria o melhor momento para fazer a transição para a ração de adulto.
Até que idade seu cachorro deve comer ração para filhote? Foto: Reprodução
É uma informação importante pois a necessidade calórica e os requisitos nutritivos mudam bastante de filhote para adulto. No caso do filhote, sua ração é rica em calorias e suplementos nutritivos, então, continuar alimentando esse tipo de comida para um cão já maduro pode causar obesidade e problemas ortopédicos.
Quanto a idade certa para fazer a mudança, existem muitas informações conflitantes que por sua vez confundem os donos de cães. Muitos defendem que a mudança deve ser feita quando o cão atinge 1 ano de idade.
Porém, o problema de especificar uma idade única é que os cães diferem muito entre si, e as particularidades das raças e tamanhos fazem com que elas possuam velocidades diferentes de amadurecimento.
Cães de porte pequeno, até 10 kg, amadurecem mais rápido, em media entre 10 e 12 meses, sabendo que algumas raças toy podem amadurecer ainda antes. Exemplos: Yorkshire Terrier, Shih-Tzu, Pinscher, Chihuahua, Lhasa Apso, Pug, Poodle, Bichon Frise.
Cães de porte médio, até 40 kg, podem amadurecer entre 12 e 16 meses. Exemplos: Beagle, Basset Hound, Buldogue Francês, Cocker Spaniel Inglês, Buldogue Inglês, Labrador Retriever, Boxer.
Raças com porte grande, de cães que pesam mais de 40 kg, podem levar até 2 anos para amadurecer completamente. Exemplos: Dogue Alemão, Mastife, Boiadeiro Bernês, São Bernardo, Rottweiler.
No geral, a mudança deve ocorrer quando o filhote está se aproximando de sua altura de adulto. Preste atenção no seu cachorro, já que muitos começam a rejeitar a ração de filhote, por ser tão rica e densa. Leve-o ao veterinário para definir se a hora chegou.
Quando for de fato mudar de ração, da filhote para a adulto, faça de maneira gradativa ao ir misturando os dois tipos. Uma semana é tempo suficiente para que o seu animal não sinta muito a transição, o que em alguns casos pode causar diarreia e irritação no estômago.
Ao entrar na ração de adulto, a quantidade de ração será baseada na valor calórico que o seu cão poderá comer por dia.
O Portal do Dog desenvolveu uma calculadora baseada na fórmula MER (Metabolic Energy Requirement ou português “Necessidade de Energia Metabólica”).

Referência: CesarsWay