5 cuidados para prevenir que o shih tzu fica se coçando

Para ajudar os tutores que buscam melhorar a qualidade de vida dos pets, Alexandre Merlo indica quais são as causas mais comuns de alergias e coceiras

Cada vez mais os shih tzu ganham um espaço considerável nos lares das famílias brasileiras. Com este aumento de afeto, os níveis de preocupação e cuidados também se elevam. Neste sentido, as clínicas veterinárias passam a receber mais shih tzu nos atendimentos dos mais diversos tipos de situações.. Especialista orienta sobre 5 cuidados para prevenir a coceira em shih tzu.

Problemas de pele em cachorro: o que causa e como prevenir?

   

A alimentação do shih tzu deve suprir todas as necessidades nutricionais do animal, independentemente se ela é feita com base em ração ou em uma Alimentação Natural (AN). Porém, em alguns casos, shih tzu podem apresentar alergias decorrentes do consumo de alguns tipos de carnes ou produtos derivados do leite.

“Além das alergias, caracterizadas pela coceira, existem as chamadas intoxicações alimentares, em que se observam vômitos e diarreia com sangue – esses casos podem trazer complicações importantes, com necessidade de medicações injetáveis e até internações”, comenta o especialista.

Por esta razão, o mais indicado é procurar um especialista em alimentação canina e compor uma refeição apropriada para as necessidades e limitações do shih tzu.

Produtos de limpeza e cosméticos


  • Muitos dos produtos comercializados hoje em dia possuem composições químicas. Esses elementos podem conter agentes alergênicos para os shih tzu e, com isso, causam não só irritação na pele, mas também casos de intoxicação. “Alguns deles podem causar dermatites de contato, queimaduras na pele e sintomas de intoxicação por inalação. Além disso, xampus inadequados e perfumes fortes também podem trazer riscos aos shih tzu”, explica o Gerente Técnico de Animais.

Poeira


  • “O pó pode causar alergias nos animais devido à presença de ácaros microscópicos, sendo a coceira um dos principais sintomas. Às vezes, o tutor acredita que a causa pode ser a picada de pulgas ou de outros parasitas, mas na verdade é um quadro alérgico que afetou a pele por causa de ácaros de poeira”.

Ectoparasitas


  • As pulgas e carrapatos são chamados de ectoparasitas, pois sobrevivem do hospedeiro, mas do lado externo do indivíduo. Portanto, a única forma de evitá-los é seguindo as orientações do veterinário a respeito de remédios que combatam estes parasitas, conforme explica o especialista. “Mas, se as picadas de pulgas e carrapatos desencadearem um quadro alérgico no shih tzu, procure um veterinário. Existem medicamentos que podem controlar a coceira até que os parasitas sejam eliminados.”

Pólen


  • O especialista também alerta os tutores a respeito das plantas, pois elas podem causar alergias aos shih tzu. Além das que causam alergias, outras podem ser extremamente tóxicas aos shih tzu, como “comigo-ninguém-pode” e azaleia. Sendo assim, estas plantas devem ser mantidas fora do alcance do cachorro, evitando não apenas coceira, mas também vômitos, diarreia e outros sintomas.

Fonte: Clube para Cachorros