Cachorrinho conforta irmã doente durante seu tratamento no veterinário - Shih Tzu Brasil Pular para o conteúdo principal

Cachorrinho conforta irmã doente durante seu tratamento no veterinário

Um vídeo emocionante de um filhote de cachorro confortando sua irmã no veterinário deixou corações de internautas pulando por toda a Internet.

O vídeo reconfortante, que acumulou milhares de visualizações no Facebook, mostra dois filhotes – um ligado a um gotejamento e outro exibindo apoio e carinho para sua pobre irmã.

Tenham seus lenços de papel prontos!

Como estão ambos deitados na cama do veterinário, o filhote macho parece estar propositadamente segurando a cabeça de sua irmã com suas patas. Os dois filhotes de pastor alemão foram levados à clínica de um veterinário, no Cairo, para serem tratados para parvovirose.
O filhote macho já se recuperou do vírus mortal e por isso, ele não deixa o lado de sua irmã uma só única vez.

Quando o filhote macho se recuperou, ele supostamente começou a agir de forma estranha, parecendo estar preocupado e emotivo – e ao que parece, ele estava preocupado com sua irmã que ainda estava doente e ninguém sabia diso.

Depois que a cadela começou seu tratamento, a criaturinha começou a dar amor e apoio a sua irmã até que ambos se recuperassem totalmente.

Os espectadores ficaram engasgados com o amor mostrado no vídeo:

Uma pessoa comentou: “Que comovente, espero sinceramente que eles se recuperem.”

Outro disse: “Eu gostaria que os humanos seguissem o exemplo deles”.

O parvovírus canino é uma doença viral altamente contagiosa que afeta cachorros. O vírus se manifesta de duas formas diferentes:

A forma mais comum é a forma intestinal, caracterizada por vômitos, diarréia, perda de peso e falta de apetite. A forma menos comum é a forma cardíaca, que ataca os músculos do coração de fetos e filhotes muito jovens, muitas vezes levando à morte.

Geralmente os cachorros são vacinados contra a doença ainda muito jovens.

Bem, melhor deixar o vídeo para que vocês possam ver:
Cachorros, né? Onde estaríamos nós sem eles?

Gostou da matéria? Compartilhe este artigo. Isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos nas redes sociais. Obrigado

Via: Portal do animal
Tabela

Recomendamos