Cerca de 68 Cães são Salvos do Festival de Carne de cachorro Deste ano na China - Shih Tzu Brasil Pular para o conteúdo principal

Cerca de 68 Cães são Salvos do Festival de Carne de cachorro Deste ano na China

 Além da crueldade a que são submetidos milhares de animais no festival de carne de cachorro em Yulin, na China, esse evento é perigoso também para a saúde das pessoas. 

Os cães e gatos são mantidos amontoados sem água nem comida em gaiolas enferrujadas... muitos com ossos quebrados... e muitos inclusive raptados de suas casas. 

No festival deste ano, que corre solto apesar da China não estar livre da pandemia de Convid (com vários novos surtos sendo notificados frequentemente), já houve algumas intervenções de ativistas. 

Pelo menos 68 cães foram salvos quando estavam a caminho do festival. Alguns esticavam as patinhas para fora das grades pedindo ajuda dos ativistas. Leia matéria na íntegra AQUI

Embora seja mais conhecido por servir carne de cachorro, o festival de Yulin também mata gatos e das maneiras mais sórdidas. 

Alguns anos atrás a foto do gatinho Huru rodou o mundo: ele estava se agarrando desesperadamente as grades de um matadouro, mas conseguiu ser salvo minutos antes de ser morto pelo Dr Peter J. Li,  ativista da HSI - Humane Society International. 

No Facebook do ativista Peter Li consta agora uma mensagem da pessoa que adotou Huru, com uma belíssima foto atualizada do gatinho:

"Hu aproveitando o sol na nova árvore hoje. Como sempre nesta época do ano, meus pensamentos se voltam para Yulin e os pobres cães e gatos que sofrerão tanto nas próximas semanas. 

Penso na família chinesa de Hu, que nunca deve ter sabido o que aconteceu com ele (ele estava usando uma coleira quando foi resgatado por Peter J. Li do cercado do matadouro). 

Obrigado Peter, Wendy Higgins e HSI por tudo o que você faz para ajudar as vítimas do comércio de carne de cães e gatos".

Como ajudar a HSI a salvar animais do festival:

A entidade está com uma campanha para arrecadar fundos dirigidos ao salvamentos dos animais vítimas do festival e que pode ser acessada AQUI

Veja o emocionante vídeo criado pela HSI:

Jornalista Fátima ChuEcco

Site www.miaubookecia.com

Recomendamos