Shih Tzu lambendo a Pata pode não ser um Bom sinal - Shih Tzu Brasil Pular para o conteúdo principal

Shih Tzu lambendo a Pata pode não ser um Bom sinal

Sabe aquele momento que você olha para o seu shih tzu e percebe que ele está lambendo ou mordendo as patas deitado no chão, na cama ou no sofá? Parece uma cena comum e que faz parte até do instinto nele, mas nem sempre é um bom sinal.

Você pode até imaginar que o comportamento do seu shih tzu lambendo a pata é natural, principalmente depois de um passeio com seu shih tzu, em que ele se distrai, fortalece suas patinhas e ainda gasta um pouquinho das suas unhas. 

Mas a questão é a frequência desse comportamento não só nesses momentos, mas também quando estão quietos em casa, sem o momento do passeio.

Na maioria das vezes, os shih tzu mordem suas patas por estarem com algum machucado na região ou então por questões psicológicas e emocionais, como ansiedade e estresse. 

Apesar de parecer um hábito normal, isso pode trazer diversos problemas para a saúde deles. Por isso, é importante saber a causa dessa prática para evitá-la.

Como perceber o excesso de lambidas nas patas

  • Pata molhada além do normal;
  • Alguma parte da pata ferida, com falhas localizadas no pelo ou mudança na cor;
  • Alterações no cheiro da pata.

O que leva o shih tzu a se lamber, morder ou coçar a pata?

Assim como muitos humanos têm mania de roer unha da mão, os shih tzu expressam a agonia que sentem por meio de mordidas ou lambidas constantes nas patas. Esses sinais podem ser interpretados como estresse ou ansiedade sentida pelo shih-tzu.

O TOC, transtorno obsessivo compulsivo tem um fácil tratamento porém precisa de dedicação. Pois geralmente o veterinário indica mais passeios, brincadeiras e exercícios. 

Afinal, o seu shih tzu precisa de atividade física, independente da raça ou do perfil dele. 

Pata ferida e com falhas na pelagem são sinais claros de lambedura excessiva. Se ele passa muitas horas sozinho é possível ter desenvolvido a ansiedade de separação e sofrer bastante, em especial se a personalidade dele envolve carência e dependência afetiva da família.

Ao deixá-lo sem companhia, o ideal é manter brinquedos sempre por perto, para brincar e divertir-se um pouco enquanto o dono não volta. 

Outra opção pode ser uma creche ou canil, onde possa interagir com outros cães e receber estímulos diferentes.

Pouca gente sabe, mas desequilíbrios dos hormônios, especialmente da tireoide podem acarretar infecções de pele. 

O hipotireoidismo, por exemplo, e até o excesso de cortisol são ainda possíveis causas da irritação na pata do shih tzu. E nesse caso é claro que a reação dele será lamber ou coçá-la sem parar.

Outra opção são certas alergias, seja a alimentos ou a produtos químicos, por exemplo. Quando isso acontece, o corpo se manifesta formando manchas vermelhas e feridas graves. 

É preciso que o seu shih tzu tenha uma boa alimentação e investigar o causador da reação alérgica e tratá-lo assim que possível.

Redação: Nosso Armazem

Recomendamos