Os Shih Tzu têm cada vez mais câncer e ração não é explicação para isso. Entenda - Shih Tzu Brasil Pular para o conteúdo principal

Os Shih Tzu têm cada vez mais câncer e ração não é explicação para isso. Entenda

Nas últimas décadas, os casos de câncer em shih tzu têm aumentado. De acordo com estudos realizados em diversos países, a principal causa de morte entre os cães são as neoplasias — qualquer tipo de crescimento anormal de células, que pode ser benigno ou maligno (este o que chamamos de câncer).


Também nas últimas décadas houve a popularização de dietas industriais para esses animais, as rações. Hoje, existe uma infinidade de tipos, e grande parte dos nossos animais domésticos se alimentam delas. Então, tivemos em paralelo o avanço e a popularização das rações e o aumento no número de casos de câncer. Qual a conclusão que alguém pode tirar ao observar essas duas informações? 


Ração causa câncer no shih tzu


Não é bem assim- Esse é um mito muito difundido, e escutamos essa ligação com alguma frequência. Ela é estabelecida com base em duas condições que não necessariamente possuem relação de causa e consequência.

Sim, existem alguns compostos que estão presentes principalmente em rações de baixa qualidade e que classificados como potencialmente cancerígenos, mas eles não justificam o aumento de casos.


Mas então porque temos mais casos de neoplasia hoje do que tínhamos antes? Bom, de certa forma a utilização de rações e dietas balanceadas está relacionada a isso, mas de uma outra maneira.


Mais tempo, mais risco

A expectativa de vida de nossos shih tzu aumentou muito nas últimas décadas. Isso se deve a uma soma de melhorias em sua alimentação, higiene, no modo como são criados e aos avanços na medicina veterinária. Esse aumento na expectativa de vida levou a um aumento nos casos de doenças que são mais comuns na população geriátrica. Entre essas doenças, temos o câncer.


O que ocorreu com cães (e com nós humanos também) foi um rápido aumento da expectativa de vida ao longo de algumas poucas gerações. Porém, não houve tempo (e também interesse, no caso de seleção de pets) para que fossem selecionados os indivíduos mais capazes de "evitar" as alterações genéticas.


Redução do risco

Embora não possamos evitar totalmente o aparecimento de uma neoplasia, hoje conhecemos diversos fatores de risco para o aparecimento delas. Entre os evitáveis podemos citar o sedentarismo, a obesidade, a má alimentação, utilização de tratamentos hormonais para evitar o cio, exposição ao sol e fumo passivo (isso afeta nossos shih tzu também), entre muitos outros.


A decisão de castrar os shihtzu e quando castrar também pode aumentar ou diminuir os riscos do aparecimento de câncer (você pode ler mais sobre isso aqui). Enfim, são muitos os fatores que podem influenciar no aparecimento dessa doença, e a melhor maneira de evitá-los é seguindo as recomendações de seu veterinário.


Avanços no tratamento

Assim como na medicina humana, ainda não temos a cura para boa dos pacientes. Porém, hoje podemos contar com veterinários especializados em oncologia e diversos tratamentos que podem, se não curar, aumentar a sobrevida e a qualidade de vida de shih tzu.


Mais recentemente, também foi inaugurado na cidade de São Paulo um centro exclusivo de radioterapia veterinária, que é o primeiro do país.


Redação Uol