Seguro de vida para cachorro

Quem já levou o cachorro a um pet shop em São Paulo provavelmente se deparou com a pergunta: quer fazer um plano de saúde para seu melhor amigo? Isso mesmo, um plano de saúde animal. Mediante o pagamento de uma taxa mensal, seu cãozinho pode ter acesso a um seguro pet, que oferece cobertura para itens como consultas e emergências. Planos mais completos – e caros – incluem até acupuntura para o bichinho.

O serviço completo ainda é restrito principalmente a cachorros na região da Grande São Paulo, mas a expectativa do setor é expandir a atuação em 2014 para incluir planos para gatos e começar a oferecer cobertura também em outras cidades. E o interesse das seguradoras no mercado de animais de estimação brasileiro é para lá de justificado – a indústria pet do país deve fechar 2013 com um faturamento de R$ 15,4 bilhões de reais, 8% maior que o registrado em 2012, segundo dados da associação que representa o setor, a Abinpet (Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação). Somos o segundo maior mercado pet do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos.

Mas será que vale mesmo a pena contratar um plano de saúde para seu animal de estimação?

O MoneyGuru falou com seguradoras, clínicas e veterinários para listar os prós e contras desse seguro e ajudar você a tomar a melhor decisão para cuidar bem de seu bichinho.

Vantagens

Tinha tudo para ser só mais um passeio inocente no parque, até que um outro cachorro bem maior que o seu veio ao encontro de seu grupo e atacou o seu cãozinho, que por sorte sofreu apenas algumas mordidas. Entre consulta de emergência, exames e curativos, a conta no veterinário não sai por menos de R$ 300, em média, na capital paulista. Justo naquele mês em que você já estava com o orçamento apertado. Ou imagine um acidente doméstico corriqueiro, com o seu bichinho engolindo um botão de sua camisa – talvez ele precise fazer uma endoscopia de emergência. Somando consulta, exames, anestesia e intervenção, a conta pode facilmente ultrapassar R$ 2 mil. Se for à noite ou em um fim de semana, sai mais caro ainda.

“A principal vantagem do plano de saúde para o animal é você não ter a surpresa de ter de arcar com o valor elevado de um atendimento em uma emergência ou, pior ainda, não conseguir fazer o tratamento adequado por não ter o dinheiro disponível”, diz Manes Erlichman, sócio-diretor da Minuto Seguros. O plano completo comercializado pela corretora online, que inclui urgências, internação, cirurgias, consultas, procedimentos, exames e reforço anual de vacinas (com limite máximo de cobertura anual de R$ 13 mil), sai por R$ 75 mensais, ou R$ 900 por ano.

Desvantagens

Só não conte com o seguro pet para arcar com “gastos previstos” com seu cachorro. Os planos não cobrem castração nem parto e só aceitam animais que tenham um microchip implantado, que serve para identificar o bichinho na hora de passar por uma consulta, por exemplo. O procedimento, aliás, é obrigatório em outras partes do mundo, como em alguns estados da Austrália, e veterinários são unânimes em dizer que isso não traz riscos à saúde do animal. Em geral, os seguros também só aceitam filhotes a partir 6 semanas de vida e animais com idade até 8 ou 10 anos, com vacinação e vermifugação em dia. Mas é justamente nos primeiros meses de vida e na velhice que o animal mais precisa de cuidados de saúde.

“Filhotes são mais propensos a doenças infecciosas e por isso mesmo precisam ser vacinados, vermifugados e bem alimentados, o que involve gastos relevantes”, explica a veterinária Silvia Manduca Trapp, professora do curso de Medicina Veterinária da Unopar (Universidade Norte do Paraná). “Depois disso, os animais geriátricos também precisam de bastante cuidado, porque é quando estão sujeitos a doenças como câncer, insuficiência renal e hepática.”

Tirando esses dois períodos mais críticos, a tendência é que o pet precise de uma ou duas consultas com o veterinário por ano, para reforço das vacinas antirrábica e polivalente. A partir dos 5 anos, a recomendação é que também seja feito um check up anual, que inclui itens como exames de sangue, ecocardiograma e raio-X de tórax. Na capital paulista, o preço dessa avaliação completa varia bastante dependendo da região, mas em nossa pesquisa com os principais hospitais veterinários e clínicas não encontramos o check up anual por menos de R$ 500.




Pesquise bem

Se você decidir contratar um seguro pet, tire um tempo para pesquisar bem os planos disponíveis. Em geral, os serviços ainda estão restritos à região da Grande São Paulo e são oferecidos principalmente para cachorros, embora seja possível encontrar alguns planos para gatos – em nossa pesquisa nos deparamos com uma série de reclamações de clientes em sites especializados. Mais que comparar os preços, preste atenção especialmente à carência e aos limites de uso, bem como à quantidade de intervenções disponíveis e à cobertura máxima anual. Busque também referências sobre a companhia que oferece o produto, leia o contrato com muita atenção e confira se a rede credenciada tem registro no Conselho Regional de Medicina Veterinária de seu estado.Na pesquisa que fizemos, encontramos planos a partir de R$ 12,99 mensais, com cobertura limitada apenas a acidentes, como atropelamento e queda, excluindo despesas relacionadas a quaisquer doenças. Na outra ponta, achamos planos na faixa de R$ 100 por mês, que incluem tratamentos como fisioterapia e acupuntura, que pode ser indicada como terapia em caso de estresse ou ansiedade animais.

Sem seguro? Poupe para emergências

Uma dica para quem não tem seguro pet, mas não quer perder o controle das finanças no caso de uma emergência, é guardar mensalmente uma quantia na poupança para eventuais imprevistos. Com isso, em uma situação de necessidade você consegue reduzir o impacto da conta do veterinário no seu orçamento. E se (tomara!) nada acontecer com seu cachorro, o dinheiro que está lá fica guardado para você.

Serviços grátis para pets

Você tem seguro de casa, carro ou vida? Nesse caso, vale a pena checar o contrato ou perguntar à sua seguradora se ela oferece serviços grátis para seu animal de estimação como cortesia – algumas empresas concedem transporte do animal para o pet shop e banhos, além de descontos em consultas e produtos, e os gatos também costumam ser contemplados. Fique de olho!



E MAIS :
Aqui neste link, você pode simular o quanto sairia um seguro para seu Pet: https://www.petplan.com.br

Fonte:www.moneyguru.com.br